terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

MANHÃ

Estar contigo ao acordar, ver como
se abrem as tuas pálpebras, cortinas
corridas sobre o sonho, sacudir dos
teus lábios o silêncio da noite para
que um primeiro riso me traga o dia:

assim, amor, reconheço a vida que
entra contigo pela casa, escancara
janelas e portas, deixa ouvir os pássaros
e o vento fresco da manhã, até que voltas
para junto de mim, e tudo recomeça.

Poema de:
Nuno Júdice




De:



Teresa disse:

Decidi-me por um poema do Nuno Júdice porque acho que não é tão conhecido como merece ...

E que bela escolha! Uma manhã gloriosa e tudo recomeça todos os dias!
Obrigada.



Pintura :Van Gohg
Retirada do Google


10 comentários:

  1. Precisamente....também gosto muito de Nuno Judice e
    sempre que posso....mostro aos amigos(as).
    Beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. andradarte

      tnh d ir ao seu outro blg com urgencia como ja havia dito. sei q por lá acontecem coisas lindas.

      abraço

      olinda

      Eliminar
  2. Gosto muito do Nuno Judice e dos mágicos poemas dele. Este é lindo.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. comecei a lê-lo através de 'Luz de África', que publicou um poema dele, maravilhoso, 'metamorfose'.
      adorei!

      bjhns

      olinda

      Eliminar
  3. Olá, boa escolha, adoro Nuno Júdice (:

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. também acho, amiga, uma excelente escolha.

      bj

      Eliminar
  4. Obrigada pela partilha Olinda. :)

    ResponderEliminar
  5. eu é que te agradeço o teres partilhado connosco este lindo poema.

    bj

    ResponderEliminar
  6. Esse poema me diz que devo colocar imediatamente na minha lista de urgências, um livro do Nuno Júdice que comprei em Lisboa, no aeroporto...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. acho q tnh d seguir o teu exemplo,minha amiga. ele é um autor q merece ser,mais, lido e apreciado.

      bjs

      olinda

      Eliminar