terça-feira, 12 de julho de 2016

"Portugal, allez!"

...
Que eu canto o peito ilustre lusitano,
A quem Neptuno e Marte obedeceram.
Cesse tudo o que a musa antiga canta,
Que outro valor mais alto se alevanta.




----

Somos grandes, os maiores!

As palavras do Presidente da República aos jogadores, treinador e pessoal técnico fazem-nos recordar o nosso grande poeta nos louvores aos feitos portugueses.

Et ... pourquoi pas?

É preciso acreditar que somos capazes de resolver os nossos problemas, qualquer que seja a área da nossa vida nacional.

====

Imagem:aqui
Excerto da "Proposição" - Os Lusíadas- Luís Vaz de Camões.

5 comentários:

  1. Sobre a bola, sobre a mística visão de Fernando Santos, sobressai o esforço sobre a dor causada por uma qualquer traidor da ética desportiva, o cerrar de dentes dos companheiros a honrar a inglória dor do irmão, o povo ao longe sempre sofrido na humilhação cínica de quem aproveita o seu honrado trabalho, o menino que derrama afecto e inocência na cara do inimigo vergado ao peso da sua própria arrogância. Isso e o mais que espelhou a noite portuguesa de Paris, vale o que vale, sim, mas valha o que valer... ora façam lá igual!
    abraço.

    ResponderEliminar
  2. Sem dúvida, minha amiga! Com a elevação que sempre aqui encontro.
    Beijinho (No meu tempo fugidio.)

    ResponderEliminar
  3. O que eu retiro dali e das outras senhoras que ganharam medalhas é que há situações em que devemos dar o máximo e não desistir, porque são realmente importantes!
    Beijinhos :)

    ResponderEliminar
  4. Querida amiga

    Parabéns pela conquista.
    Aqui também torcíamos para Portugal...
    No mais,
    diante da queda
    só nos resta ficar
    ou levantar buscando forças
    onde nem sequer imaginávamos
    que existissem...

    Muita alegria para ti...

    ResponderEliminar